Notícias

Depi reúne especialistas para discutir conteúdo do HIDS

Discutir as diretrizes conceituais que vão orientar a elaboração do master plan do Hub Internacional para o Desenvolvimento Sustentável (HIDS), esse é o objetivo da primeira oficina de especialistas organizada pela equipe da Depi que está acontecendo ao longo do dia 23 de maio, no Pavilhão da Pós-Graduação do Instituto de Economia. “A Unicamp e a PUC reúne as melhores expertises para pensar o futuro da universidade e de seu entorno. É isso que queremos aproveitar aqui”, destacou Gabriela Celani, professora da Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo da Unicamp (FEC) e que está coordenando a elaboração do master plan.

Oficina reuniu especialistas de diversas unidades da Unicamp e da PUC-Campinas. Crédito: Regina Falsetti

Embora o HIDS tenha sido pensado originalmente como uma estrutura a ser criada na Fazenda Argentina, diálogos com atores externos fizeram com que a proposta evoluísse, passando a compreender todo o Polo II do Ciatec e os campi da PUC-Campinas e da Unicamp. Para identificar as atividades e os valores que farão parte do HIDS, a equipe da Depi tem interagido com a comunidade da Unicamp, da PUC e com atores externos, como o CNPEM e da Prefeitura Municipal de Campinas. Um dos desafios desse processo é definir o desenho urbano de toda essa área. O resultado das discussões da oficina deve gerar um documento com algumas diretrizes que vão orientar a construção desse desenho.

Além de arquitetos e urbanistas, a oficina conta com cientistas sociais, historiadores, químicos, biólogos, sociólogos, engenheiros e economistas da PUC e da Unicamp. Os pesquisadores foram divididos em grupos de trabalho que trabalharão em temas específicos:  ecologia e paisagem; geologia e hidrologia urbana; infraestrutura hidro sanitária; infraestrutura e recursos energéticos; mobilidade e acessibilidade e smart city; resíduos sólidos; adensamento populacional, habitação de interesse social (HIS) e uso do solo; áreas públicas, espaços de convivência e patrimônio e empreendedorismo, modelo jurídico e formas de financiamento.

O diretor da Depi, Marco Aurelio Pinheiro Lima, destacou a importância do planejamento ser uma construção coletiva que leve em consideração os anseios e interesses da comunidade. “Isso vai permitir que o planejamento seja robusto e tenha continuidade ao longo do tempo, o que é fundamental quando pensamos em um projeto que terá impacto na cidade como um todo”, disse.

Gabriela Celani, professora da FEC e coordenadora do master plan do HIDS, orienta um dos grupos de trabalho da oficina. Crédito: Regina Falsetti

O resultado das discussões serão compilados em um documento que será compartilhado com os participantes e com toda a comunidade.

Veja abaixo os participantes da primeira oficina de especialistas do HIDS.

  • Aline Vieira de Carvalho – Nepam
  • Ana Maria G. Sperando – FEC
  • Emília W. Rutkowski – FEC
  • Fábio José Ferraz – PUC-Campinas
  •  Flávia Consoni – DPCT/IG
  •  Janaina de Oliveira da Costa – DPCT/IG
  •  João Ito – FEEC
  •  José Anderson do N. Batista – FEC
  •  Juliana Freitag Borin – IC
  •  Laura M. de N. Bueno – PUC-Campinas
  •  Lauro Kubota – IQ
  •  Lindinalva Machado – NIPE
  •  Lindon Fonseca Matias – IG
  •  Lucia da Costa Ferreira – Nepam
  •  Marcelo Pereira da Cunha – DEPI/IE
  •  Maria Cristina Schichi – PUC-Campinas
  •  Mariana R. R. dos Santos – FEC
  •  Maurício A. Serra – PUC-Campinas
  •  Neri de Barros Almeida – IFCH
  •  Patricia R. Samora – PUC-Campinas
  •  Rafael Freiria – FT
  •  Rangel Arthur – Inova Unicamp
  •  Roberto Luiz do Carmo – IFCH
  •  Silvia A. M. Gonçalves Pina – FEC
  • Ulysses Semeghini – IE
  • Wesley Rodrigues Silva – IB
  •  Wilson Barbosa Neto – PUC-Campinas
  •  Wilson Ribeiro dos Santos Jr. – PUC-Campinas
  •  Robson Canuto da Silva – FEC
  •  Thalita Dalbelo – DEPI
  •  Ana Julia S. Ribeiro – PUC-Campinas
  •  Regina Tirello – FEC

 

 

 

 

 

 

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.